Prefeitura realiza ação de conscientização contra a dengue

Criado: Sexta, 10 Mai 2019

WhatsApp Image 2019 05 10 at 12.17.59 1A Prefeitura Municipal de Inconfidentes realizou, hoje (10/05), uma passeata de conscientização da população sobre os risco do Aedes Aegypti, com os alunos da Rede Municipal de Educação.

A passeata contou com a participação de cerca de 150 alunos do Centro Educacional Municipal Américo Bonamichi (CEMAB) e do Centro de Educação Infantil Reino Encantado Irineu Doná, além de Professores e profissionais da área da saúde, que apoiaram a ação.

Os pequenos, acompanhados de responsáveis, passaram pelas principais ruas do centro de Inconfidentes com cartazes, bandeiras e apitos. A passeata encerrou em frente à paróquia de São Geraldo Majela, na Praça Tiradentes.

Esta ação faz parte do cronograma do setor de epidemiologia para o combate à Dengue. A primeira medida foi realizada no bairro Monjolinho, no dia 25 de abril. Desde então, uma série de atividades foram realizadas com o objetivo de eliminar todos os focos do mosquito em Inconfidentes.

Sobre a dengue

A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, que também é transmissor de outros vírus, como Chikungunya e do Zíka Vírus. No Brasil, a dengue foi identificada pela primeira vez em 1986.

A maneira de evitar a dengue é eliminar qualquer foco de água parada no qual o mosquito possa se reproduzir. Todas as pessoas devem cuidar de suas casas e locais de trabalho de modo que consigam manter o ambiente sempre limpo e longe de qualquer possibilidade de acúmulo de água. Como medida de proteção individual sugere-se ainda o uso de repelentes, e telas nas janelas, camas e berços.

Geralmente, os sintomas se manifestam a partir do terceiro dia após a picada do mosquito. Entre os mais comuns estão: febre alta, associada à dor de cabeça, fraqueza, dores musculares, nas articulações e atrás dos olhos; além de manchas vermelhas pelo corpo (exantema) e coceira.

Inicialmente é realizada a identificação da suspeita de caso a partir de sinais/sintomas e exame físico do paciente. A confirmação do diagnóstico é realizada através de exames laboratoriais específicos.

Não existe tratamento específico contra o vírus, apenas para aliviar os sintomas e aliviar o agravamento da doença, como repouso, ingestão de líquidos e remédios sob prescrição médica.

(Fonte: Secretaria do Estado da Saúde de Minas Gerais)