Todas as crianças de Inconfidentes entre 1 e 4 anos estão protegidas de sarampo e poliomielite

Criado: Segunda, 24 Setembro 2018

IMG 9229A Prefeitura Municipal ultrapassou a meta determinada pelo  Ministério da Saúde, que era de 95%. No total, 296 crianças desta faixa etária receberam a vacina durante a Campanha, que teve início em 6 de agosto.

A Campanha foi Nacional e teve como objetivo evitar a reintrodução do vírus selvagem da doença, após o surgimento de surtos de sarampo em alguns estados do país, no primeiro semestre de 2018.

Para reforçar a ação, principalmente para pais que não conseguiram levar os filhos durante a semana, o Departamento Municipal de Saúde também realizou um mutirão de imunização no sábado, dia 18/08, na Unidade Básica de Saúde (UBS) Mário Pistelli.  

“O sucesso da campanha se deu pelo trabalho sério da equipe da Prefeitura, e, também, pela participação efetiva dos pais e familiares que trouxeram seus filhos para tomar a vacina e também para atualizar as carteirinhas de vacinação”, destacou a enfermeira responsável pela coordenação da Campanha, Edaiane Serapião.

Campanha Nacional

De acordo com o Ministério da Saúde, o Sarampo e a Poliomielite são doenças transmitidas por vírus, e que só podem ser erradicadas por meio da vacinação. No primeiro semestre, o país contabilizou dois surtos de sarampo, em Roraima e Amazonas. Além disso, foram registrados casos isolados em São Paulo, Rio Grande do Sul, Rondônia e Rio de Janeiro.

Os surtos estão relacionados à importação, já que o genótipo do vírus (D8) que está circulando no país é o mesmo que circula na Venezuela, país que enfrenta um surto da doença desde 2017.  Até o momento, no Brasil, foram confirmados 7 óbitos por sarampo.

Com respaldo técnico de equipes especializadas, o Ministério da Saúde garante que a vacinação é segura. Por isso, não podemos deixar de buscar as vacinas disponíveis nas salas de vacinação, nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) dos Municípios.